Regresso aos treinos em segurança

No passado dia 10, os atletas da modalidade Canoagem regressaram aos treinos, após suspensão das competições face à pandemia originada pela Covid-19, baseados na Lei, que regulamenta a prorrogação do estado de emergência e prevê a possibilidade de os atletas poderem treinar.

O treino, muito condicionado e individualizado, foi orientado por elementos da equipa técnica com uso de máscara e ocorreu num local de enorme beleza, o “Pontão da Ereira”, na localidade de Ereira, onde a especialidade gastronómica é o arroz a lampreia e o arroz doce.

Ereira situa-se numa zona de planície do Baixo Mondego, local aprazível que fez a alegria dos jovens atletas da Casa do Benfica e dos pais que, com a devida distância, poderam acompanhar e usufruir dessa forma do treino dos seus filhos.

Foram criados grupos no período da manhã e da parte da tarde para fazer cumprir a segurança necessária entre os atletas e treinadores, apesar de ser um deporto individual.

O treinador João Silva agradeceu aos pais pela disponibilidade, revelando que “sem o vosso compromisso não é possível uma evolução positiva para os vossos filhos”, referiu ainda que os pais “serão os maiores responsáveis pela qualidade desportiva e competitiva dos nossos atletas”, “Por vezes temos que deixar outras coisas para trás para que eles façam o que realmente gostam”, finalizou.

Por sua vez, o vice-presidente da modalidade, Carlos Cunha, realçou o investimento que a Casa do Benfica fez na modalidade: “Nas últimas duas épocas a nossa prioridade foi criar condições aos atletas para praticarem a modalidade com vista ao bom treinamento. Foi o investimento que planeamos mediante o número de atletas inscritos”.

Um website emjogo.pt